Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
26/03/20 às 21h46 - Atualizado em 26/03/20 às 22h03

GDF começa a receber doações para ajudar no combate à Covid-19

COMPARTILHAR

Rede de apoio envolve governo, pessoas físicas e jurídicas, e setor produtivo para contribuições em dinheiro, bens móveis e imóveis, serviços insumos e equipamentos. Saiba como auxiliar

 

 

 

A campanha de doações para ajudar no combate à Covid-19 ainda nem foi lançada oficialmente pelo Governo do Distrito Federal (GDF) e já há registro de contribuição. Uma pessoa depositou R$ 500 nesta quarta-feira (26) para contribuir com as medidas de enfrentamento à disseminação do novo coronavírus na capital. A ação surge para organizar as iniciativas que se espalham nos setores público, privado, produtivo e cidadãos.

 

 

Mais cedo, uma empresa doou 500 colchões e travesseiros que serão distribuídos em abrigos parceiros do GDF. Também foram recebidos 425 litros de álcool em gel da Casa Civil e quatro mil litros de água sanitária de lojistas da capital. Secretário de Economia, André Clemente diz que a campanha encabeçada pelo governo surgiu para organizar as diversas iniciativas em contribuir com a luta contra a doença declarada pandemia pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

 

 

Clemente é coordenador do Comitê de Emergência Covid-19, instituído por decreto na terça-feira (24). O grupo é responsável por receber, planejar e coordenar campanhas de arrecadação das doações, bem como elaborar ações a serem desenvolvidas para o enfrentamento da pandemia. São aceitas ajudas diversas, como qualquer quantia em dinheiro, bens móveis e imóveis, serviços, insumos e equipamentos.

 

 

As doações em dinheiro deverão ser creditadas exclusivamente no BRB (Banco 070), Agência 0100-7, conta-corrente n° 062.958-6, CNPJ 00.394.684/0001-53. No caso de bens móveis e imóveis, insumos e equipamentos, deverão ser entregues à Secretaria de Economia (CNPJ 00.394.684/0001-53), no seguinte endereço: SIA – SAPS, Trecho 1, Lote H, Brasília, DF.

 

 

A Secretaria de Economia disponibilizará um link específico para as contribuições, assim como o Portal do Voluntariado da Secretaria de Justiça e Cidadania no endereço. Além disso, a Central de Atendimento 156 prestará informações aos cidadãos que pretendem ajudar. As doações devem ser feitas sem qualquer tipo de ônus ou encargo ao Distrito Federal.

 

Fonte: Agência Brasília